Scanner de parede Bosch: mais precisão na construção civil

Cansou de ficar adivinhando onde furar? Com o detector d-tect 150, também chamado de scanner de parede, da Bosch esse problema acabou! Com o detector você tem mais precisão nas suas obras e consegue identificar exatamente onde estão os materiais como madeira, metal, tubos e a fiação elétrica. Além disso, ele também permite observar toda a estrutura da parede para saber exatamente a profundidade que irá furar.

Quais as vantagens do detector de parede Bosch?

O detector d-tect 150 oferece múltiplos benefícios ao profissional, sendo que o principal deles é evitar o toque ou perfuração acidental de objetos indesejados. Quando um engenheiro, pedreiro, marceneiro ou outros profissionais da construção civil não tem a planta de uma casa, por exemplo, pode ser muito difícil realizar obras, reformas e reparos com segurança.

Ninguém quer furar algum cano levando à vazamento ou comprometer a fiação da casa. Para isso, conte com o detector d-tect 150 que oferece excelente precisão ao escanear superfícies.

A sensórica de radar Ultra-Wideband permite uma detecção com precisão milimétrica de metais ferrosos/não-ferrosos, cabos energizados, estruturas de madeira e até mesmo tubos de plástico. Oferece também uma detecção precisa de sistemas de aquecimento no chão e na parede.

Seus diferencias são os riscos reduzidos durante a perfuração graças à exibição precisa das propriedades do material, maior segurança graças à exibição da profundidade de perfuração máxima permitida e a presença de cinco modos diferentes permitem o melhor rendimento de detecção em qualquer base.

Além disso, não requer calibração, oferece resultados em resumo graças ao indicador e fácil manuseio graças à empunhadeira ergonômica.

O que inclui o detector?

O detector D-Tect 150 da Bosch inclui 4 pilhas AA e bolsa de proteção para guardar o equipamento corretamente livre de pó.

Como utilizar?

O detector d-tect 150 destina-se à deteção de objetos em paredes, tetos e pisos. Com ele, pode ser detetados objetos de metal,vigas de madeira, tubos de plástico, canos e cabos. A profundidade de perfuração permitida dos objetos detetados é determinada no rebordo superior do objeto.

O scanner de parede cumpre os valores limites EN 302435. Nesta base, é necessário verificar em hospitais, fábricas nucleares e perto de aeroportos e estações rádio móveis, se o instrumento de medição pode ser usado.

O instrumento de medição é apropriado para a utilização em ambientes internos e externos, conforme necessidade.

Onde usar?

  • - Tubos de plástico (p. ex. tubos de plástico que conduzem água, como aquecimento de pisos  e de parede, etc.,com no mínimo 10 mm de diâmetro, tubos vazios de no mínimo 20 mm de diâmetro)
  • - Cabos elétricos (independentemente de conduzirem tensão ou não)
  • - Cabos elétricos trifásicos (por exemplo para o forno)
  • - Cabos de baixa tensão (por exemplo campainha,telefone)
  • - Suportes, barras e tubos de metal de todo o tipo (por exemplo aço, cobre, alumínio)
  • - Ferro armado
  • - Vigas de madeira
  • - Cavidades

Medição possível

  • - Em alvenaria (tijolos, betão poroso, betão expandido,pedra-pomes, arenito calcário)
  • - Em betão/betão de aço
  • - Em paredes de construção leve
  • - Sob superfícies de reboco, ladrilhos, papéis de parede,parquetes, tapetes
  • - Atrás de madeira, gesso cartonado

Casos de medição especiais

Condições desfavoráveis que podem influenciar o resultado da medição:

  • -Paredes com várias camadas
  • - Tubos de plástico vazios e vigas de madeira em cavidades e paredes de construção leve
  • - Objetos, que decorrem inclinado na parede
  • - Superfícies de metal e áreas úmidas; estas podem ser indicadas como objetos na parede sob determinadas circunstâncias (por exemplo elevado teor de água). Observe por favor que o betão necessita vários meses para secar completamente.
  • - Caixas de ar numa parede; estas podem ser indicadas como objetos
  • - Proximidade com aparelhos, que geram campos eletromagnéticos ou magnéticos fortes, por exemplo estações de radiofrequência ou geradores

Dicas de uso

Proteja o instrumento de medição da humidade e da radiação solar direta.

Não exponha o detector d-tect 150 a temperaturas extremas ou oscilações de temperatura.

Em caso de oscilações de temperatura maiores deixe esfriar primeiro. No caso de temperaturas ou de oscilações de temperatura extremas é possível que a precisão do instrumento de medição e a indicação no mostrador sejam prejudicadas.

Não aplique autocolantes ou etiquetas na área do sensor na parte de trás do instrumento de medição. Especialmente as etiquetas de metal influenciam os resultados da medição.

A utilização ou operação de equipamentos transmissores, como WLAN, UMTS, radar de aviação, postes de difusão ou micro-ondas nas proximidades podem afetar a função de medição.

A princípio, os resultados da medição podem ser influenciados por determinadas condições ambientais. Destas fazem parte p. ex. a proximidade de aparelhos, que emitem fortes campos elétricos, magnéticos ou eletromagnéticos, humidade, materiais de construção que contenham metal, materiais isolantes com revestimento de alumínio, assim como papel de parede ou ladrilhos. Por este motivo, também deverá consultar outras fontes de informação antes de perfurar, serrar ou fresar em paredes, tetos ou pisos.

Para informações mais detalhadas sobre como colocar em funcionamento e dicas de segurança leia o manual do fabricante.

O que achou do detector D-Tect 150 da Bosch? Pode ser útil para seu trabalho? Deixe um comentário! Adquira o seu aqui.